quarta-feira, 10 de julho de 2013

FUI ATIRADO SIM,MAS FOI UMA DELICIA

Olá!!! Bom, vou contar, em poucas palavras, algo que me aconteceu na escola. E já adianto, fui atirado sim! Hahahah Vamos lá... No meu tempo de escola, quando eu tinha entre 13 e 14 anos, tinha um garoto na minha sala que eu sentia vontade de chupa-lo, sério, eu olhava pra ele e o desejava em segredo. Não sou assumido, viu. Hahaha. Ele é moreno, alto, magro, mas tem a barriga definida. Quando eu estava na oitava série da escola... Na aula de inglês a professora pediu para sentar em dupla para resolver um exercício maldito, eu odeio inglês! Resolvi chamar ele pra sentar comigo, afinal já estava ali perto de mim. Ele topou na boa, eramos colegas, normal. Então, começamos o exercício, quebrando a cabeça, conversando a toa mesmo. Quando de repente eu pego a folha dele e escrevo assim com o lapis...: "Deixa eu mamar seu pau?" Ele olhou pra mim, deu uma risada sem graça e respondeu: "Deixo". Caralho, foi uma alegria sem fim. Eu arrisquei, pela primeira vez, e me dei bem. Então, combinei de ir na casa dele a tarde, com a desculpa de fazer lição de casa (para nossos pais, claro). Fui, cheguei la ele estava me esperando do lado de fora. Só estava a mãe dele em casa. Fomos para o quarto dele e lá ele trancou a porta, colocou um som bem baixo e começamos a copiar alguns textos, apenas para ter a prova do nosso "estudo", caso a mãe dele questionasse. Pensei em tudo. As vezes sou Foda! Percebi que ele estava com vergonha, não tocava no assunto. Então, mais uma vez, o ataquei. hahahaha. Eu: E ae, não vai deixar eu mamar, não? Ele: Vou sim. Ele sorriu, com uma cara de safado e foi colocando o pau pra fora, que estava começando dar sinal de vida. Eu continuei sentado na cama e ele veio até mim. Poxa, peguei aquela rola, que não era muito grande, mas era grossa e linda. Fiquei com ela na mão brincando um pouco e elogiando. Eu: Nossa, que pau bonito. Nunca vi um pau assim tão de perto e grosso. Ele: Para de graça. Duvido que não. O meu é normal. Então, comecei a colocar na boca e chupar a cabeça, ele ficou ali parado, só olhando pra mim. Eu chupava bem devagar e inexperiente. Foi engraçado até, mas eu tava me dando bem. Chupei as bolas também. Eu: Quer me comer? Ele: Claro que quero. Agora! Fiquei de pé e ele logo vem atrás de mim. Abaixei minha calça e ele colocou a cabeça da rola na entrada do meu cuzinho. Começou forçar e eu gostando da sensação. Estava doendo, mas resolvi aguentar sem reclamar. Na verdade, não foi muito difícil e ele não botou tudo, somente a cabeça. E começou o vai e vem. Eu aguentava calado, com medo da mãe dele ouvir algo. Ele pegou minhas costas e mandou eu deitar mais, pra facilitar a entrada. Ficamos ali um pouco bem gostoso. Depois ele tirou a cabeça e pediu pra eu bater uma punheta pra ele. Claro que aceitei e comecei bater bem gostoso, fiquei de joelhos. Mas pedi pra ele não gozar em mim. Ele anunciou que ia gozar. Pegou o pau na mão, se afastou de mim e acelerou o movimento. Ele gozou pra caramba. Saiu jarros e jarros de porra daquela linda rola. Fiquei encantado. Foi gostosa essa experiência. Depois fomos pro sofá e ficamos conversando, ele confessando que já estava com essa vontade há dias. Nisso a mãe dele já havia saído, estávamos sozinhos em casa. Ele conversava comigo com o pau pra fora e eu sentado ali, com a mão naquela rola, acariciando e conversando. Até que ficou uma ceninha romântica, foi legal. Depois fui pra casa. Fiquei pensando nele a noite e me masturbei, não aguentei de tanto tesão que eu estava e gozei. :D Foi isso galera. Beijos.

domingo, 7 de julho de 2013

PEGAÇAO ENTRE AMIGOS 2


Cam Friends

PEGAÇAO ENTRE AMIGOS NA CAM


three friends

COM O NEGAO DO PARK DO BAIRRO

RELAXANDO NA ENTREVISTA

AIRBONE (FILME COMPLETO)

MECANICOS OBSCENOS

ESTUDANDO COM PRIMO SAFADO

ASSISTINDO O JOGO COM O AMIGO EM CASA

TCHEQUE MARTE ANAIS

RAW BARCELONA

O NEGAO PAUZUDO DA VIZINHA